25 de setembro de 2018

Mais de 2,8 milhões paraibanos estão aptos a votar; 13 mil têm deficiência e 143 usam nome social

TRE-PB revela que 49.219 jovens, na faixa etária entre 16 (16.745) e 17 (32.474) anos, votarão pela primeira vez.

 

JOSUSMAR BARBOSA

Mais de 13 mil eleitores paraibanos com deficiência, inclusive cadeirantes, se cadastraram para votar

A 12 dias da realização das Eleições 2018, o Tribunal Regional Eleitoral atualizou o “raio x” do eleitorado da Paraíba com vistas às eleições de 7 de outubro. No estado, 2.867.649 eleitores estão aptos a escolherem seus representantes políticos. Deste total, 49.219 jovens, na faixa etária entre 16 (16.745) e 17 (32.474) anos, votarão pela primeira vez. Segundo o levantamento, 13.085 eleitores com deficiência estão aptos a votar. Já 143 se cadastraram com nome social.

De acordo com o TRE-PB, dos 2,8 milhões de eleitores paraibanos, espalhados pelos 223 municípios do Estado, a maioria é composta por mulheres (1.517.567), representando 52,9%. Já os homens totalizam 1.350.082 eleitores, equivalente a 47,1% do eleitorado.

Faixa etária

Ainda dentro das estatísticas da Justiça Eleitoral, a faixa etária que reúne o maior quantitativo de eleitores está entre 30 a 34 anos de idade. Eles somam 322.369 paraibanos, o que corresponde a 11,24% do eleitorado. Logo após estão as pessoas de 35 a 39 anos, que reúnem 317.170 eleitores, somando o percentual de 11,06 % do total de eleitores. As estatísticas apontam também o total de 13.085 eleitores com deficiência na Paraíba.

Grau de instrução

Com relação à escolaridade, os dados demonstram que a maior parte do eleitorado paraibano possui ensino fundamental incompleto (707.319). Outros 606.333 eleitores afirmaram ter concluído, pelo menos, o ensino médio. Já os eleitores com ensino superior somam 246.393 pessoas, segundo a base de dados do Cadastro Eleitoral.

As estatísticas também revelam que 1.588.410 eleitores declararam estarem solteiros no momento do registro/atualização do cadastro eleitoral, equivalente a 55,4% dos votantes. Já 36,9% se declararam casados, somando 1.057.476 do total.

Nome social

Pela primeira vez eleitores transexuais e travestis terão seu nome social impresso no título de eleitor e no caderno de votação das Eleições 2018. Nome social é aquele que designa o nome adotado pelos transexuais ou travestis reconhecidos socialmente. Segundo o levantamento, a Paraíba terá 143 eleitores com nome social aptos a votar.

Escolha

Além de escolherem o presidente da República, elegerão também deputados federais e estaduais, dois senadores e o governador do Estado. Os dados são oriundos do Cadastro Eleitoral, banco de dados oficial sobre o eleitorado brasileiro, disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).