28 de outubro de 2018

Políticos da Paraíba votam no segundo turno das Eleições 2018

João Azevêdo e Ricardo Coutinho votaram durante a manhã deste domingo (28)

Da Redação

Governador eleito votou no bairro de Manaíra (Foto: Antônio Vieira/TV Cabo Branco)

As principais lideranças políticas da Paraíba foram às urnas na manhã deste domingo (28) para votar no segundo turno das Eleições 2018.  Com posições diferentes em torno dos candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), eles defenderam a democracia e o uma ‘reunificação’ do país.

O governador eleito da Paraíba, João Azevêdo (PSB), votou em uma escola no bairro de Manaíra, em João Pessoa. Aliado do candidato Fernando Haddad (PT), o socialista disse que espera manter uma relação republicana com a União, independentemente de quem vença o segundo turno.

“Espero que a partir de amanhã, traga, acima de tudo, paz pra esse país. E nós partimos para reconstrução desse país. Nós precisamos disso, o Brasil precisa disso. Torço para que, efetivamente, a democracia seja plenamente restabelecida. Que a gente tenha a partir de 1º de janeiro de 2019 um governo que tenha essa compreensão, que possa devolver ao Brasil a esperança e a certeza de dias melhores dias”, disse Azevêdo após votar. “Eu espero que a relação institucional entre qualquer governo de estado e a União aconteça de forma republicana”,  completou.

Companheira de chapa de Azevêdo, a vice-governadora reeleita Lígia Feliciano (PDT) votou em uma escola particular na Praça da Bandeira, Centro de Campina Grande, e defendeu um entendimento parecido sobre o novo presidente. “Espero que venha um tratamento igualitário. Vivemos em uma democracia e  espero que o que for eleito tenha  respeito pela Constituição e pelas instituições”, afirmou.

O governador Ricardo Coutinho (PSB) foi outro que votou durante a manhã. A votação dele, no entanto, aconteceu de forma discreta na Fundação Casa de José Américo, em Cabo Branco, e não foi acompanhada pela imprensa.

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), votou na Escola Estadual Isabel Rodrigues de Melo, no Distrito de Galante. Eleitor do candidato Jair Bolsonaro (PSL) desde o primeiro turno, quando seu partido ainda tinha candidato, o tucano comparaceu à seção vestindo uma camisa da Seleção Brasileira de Futebol.

“ Votei já no primeiro turno em Bolsonaro e confirmei minha opção, neste segundo turno, no presidenciável que encarna a alternativa que conquistou a maioria do eleitorado brasileiro”, justificou Romero.

Romero Rodrigues votou com uma camisa da Seleção Brasileira (Foto: Divulgação)

O deputado federal e senador eleito Veneziano Vital (PSB) votou na Escola Municipal Roberto Simonsen, no bairro São José, em Campina Grande. O socialista foi até a seção vestindo uma camisa do Treze Futebol Clube. Ele disse que espera a reunificação do Brasil após o pleito.

“É importante que nós nos reunamos em torno de um sentimento comum de brasilidade, seja o vitorioso o ministro Fernando Haddad, em quem votei, ou o deputado Bolsonaro. Que estejamos comprometidos em reunificar o pais”, disse.

Senador eleito votou com uma camisa do Treze (Foto: Josusmar Barbosa)

A reportagem do JORNAL DA PARAÍBA entrou em contato com a assessoria do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), para ter informações sobre a votação dele, mas não teve resposta. A senadora eleita Daniella Ribeiro (PP) foi procurada também, e não respondeu.